Delícias de sexta: Brigadeiro de coco com canela

Image

Sexta-feira é dia de esquecer a dieta e partir para comer coisas gordinhas e deliciosas. Assim sendo, nós aqui do Studio do Sabor resolvermos compartilhar um brigadeiro um pouco diferente com vocês. A receita é super fácil e uma delícia. Ah, e para aprender mais receitas super gostosas na segunda-feira, dia 24 tem aula no Studio do Sabor com receitas de forno, as 14:00 e as 19:30, mande um email para studio@studiodosabor.com.br e se increva! 

Vamos aos ingredientes:

1 xícara de coco ralado

1 colher de chá de canela

2 colheres de sopa de manteiga

1/2 xícara de creme de leite

1 lata de leite condensado

Como fazer:

Já sabemos, não? Brigadeiro é algo que a gente aprende a fazer quando criança. Mas vamos lá:

1. Coloque a canela, o leite condensado, a manteiga e o creme de leite em uma panela com fogo médio. Misture até ferver e diminua o fogo, continue misturando até o conteúdo desgrudar do fundo.

2. Coloque em um prato fundo e espere esfriar. Enrole as bolinhas e passe eles no coco ralado.

3. Chame os amigos, faça a receita de smoothie que a gente postou no Facebook e #partiu comilança 😉

A moda do Bolovo

bolovo-studio-do-sabor-receita

Faz um tempo que a moda do bolovo invadiu a cidade e os bares resolveram adotar esse delicioso bolinho de carne com recheio de ovo de codorna. Talvez a moda tenha passado, mas o quitute não deixou de ser uma delícia. Por isso, o Studio do Sabor decidiu compartilhar a receita com vocês. E como nós sempre queremos que vocês coloquem a mão na massa, segunda (dia 10/02) tem aula de Paella e Moqueca! Se inscreve, é só mandar um email para studio@studiodosabor.com.br 🙂 

Voltando ao bolovo, aqui está a receita! Super fácil, e super gostosa para vic§es fazerem um happy hour dentro de casa.

Ingredientes:
500gr de carne moída
1 colher de sopa de farinha de trigo
1 colher de sopa de azeite
Sal, pimenta-do-reino, cheiro-verde, cebola, alho…
30 ovos de codorna
óleo de girassol para fritar
1 ovo inteiro ligeiramente batido
1 xícara de farinha de rosca

Modo de fazer: 
1. Cozinhe os ovos de codorna em uma panela com água por uns 10 minutos, depois de frios descasque-os e reserve.
2. Tempere a carne moída à gosto com cebola, alho, sal, pimenta e cheiro-verde, depois acrescente a farinha de trigo e o azeite e amasse bem até formar uma massa.
3. Faça 30 bolinhas com a massa de carne, depois vá pegando uma-a-uma e achate com as palmas das mãos, coloque o ovo de codorna no meio e cubra-o com a massa de carne fazendo o bolinho.
4. Depois que fizer todos os bolinhos empane-os passando no ovo batido e depois na farinha rosca.
5. Agora é só fritar !

A culinária francesa

crepe-frances-frança-culinária

Os franceses tem o dom da culinária e o Studio do Sabor vai explorá-lo! Na nossa escola de culinária no Pacaembu vamos oferecer uma aula da cozinha francesa para você aprender a fazer alguns dos famosos pratos franceses como o mousse de chocolate! Pois é, você sabia que era francês? Para se increver na aula é só clicar no link e preencher seus dados: http://bit.ly/1aO4v5o

Claro que não podemos colocar tudo o que a culinária francesa oferece em uma aula de culinária só, então colocamos mais algumas das maravilhas da comida da França aqui no blog! Primeiro, uma receita super fácil e rápida que os franceses preparam a qualquer hora: o crepe francês.

Ingredientes necessários:

  • 2 ovos
  • 1 xícara de leite
  • 5 colheres de sopa de farinha de trigo
  • Azeite
  • Recheios (queijo, presunto, palmito, chocolate derretido, nutella, banana, etc)

Modo de preparo:

Pegue o leite, os ovos e a farinha  e bata tudo no liquidificador(coloque uma pitada de sal e uma de açucar na mistura).

Bata até a massa ficar homogênea e ligue o fogo debaixo de uma frigideira média. Coloque um fio de azeite na frigideira e a despeje uma concha da massa. Espelhe e deixe por um minuto, vire  o crepe e deixe por mais um minuto.

Escolha o recheio e delicie-se 😉

E para dar mais vontade de participar dessa aula, olha a apresentação das delícias francesas que preparamos:

Receita: Guacamole

guacamole-abacate-studio-do-sabor

Quem aqui não ama uma boa comida mexicana? O Studio do Sabor adora e nessa quarta, dia 18, vamos fazer uma homenagem a culinária mexicana com pratos deliciosos e degustação! Se inscreva aqui: http://bit.ly/1aHxivZ.

Para vocês terem um gostinho de como a aula vai ser, a nossa escola de culinária vai compartilhar com vocês uma deliciosa receita de guacamole.

Primeiro, os ingredientes:

1 abacate
2 dentes de alho
1 pimenta dedo-de-moça
2 tomates
1 limão
Coentro e sal a gosto

O modo de preparo é super fácil, basta amassar o abacate, picar os outros ingredientes e misturar tudo em uma grande tigela. O guacamole vai super bem com doritos, carne,buritos, tacos. É um ótimo acompanhamento!

Depois de preparar essa deliciosa e fácil receita, não esqueça de se inscrever na aula de culinária mexicana e curtir nosso Facebook. Para isso, é só clicar no link e virar nosso fã: http://on.fb.me/123ynUi

A origem do Tiramisù

Amanhã é dia de aula delícia no Studio do Sabor: 6 PRATOS DE INSPIRAÇÃO ITALIANA. Para se inscrever é só clicar aqui: http://bit.ly/17ySIdg . E para dar um gostinho do curso, a gente trouxe a história de um dos pratos que essa aula de culinária vai trazer, o tiramisù.

tiramisu-chocolate-receita-studio-do-sabor

O nome do prato pode ser traduzido do italiano como “me levante”. O nome sugere dois significados, o primero que a sobremesa serve como um “acordador” pois possui dois ingredients com cafeína. O segundo, refere-se à idea do prato ser tão maravilhoso que leva a pessoa longe.

A origem do tiramisù é controversa, já que muitos afirmam que a receita italiana é uma sobremesa recente, criada nos anos 70, em um restaurante chamado Le Beccherie, em Treviso. Outros dizem que a receita é mais antiga e foi desenvolvida na Segunda Guerra Mundial como um prato para os soldados levarem para a guerra. Uma terceira teoria ainda sugere que o tiramisù foi inventado no século XVII para um duque, na Toscana.

Qual você acha que é a verdadeira origem? Bom, amanhã, você vai descobrir como fazer essa deliciosa sobremesa na nossa escola de culinária e se deliciar com a degustação.

Caldinho de polvo

O polvo é um ingrediente ainda não muito presente na cozinha brasileira, mas com o preparo certo, ele é uma delícia! No Japão, por exemplo, há panquecas com polvo, assim como bolinhos de polvo e muitos sushis que levam o molusco. Na região mediterrânea é preparado com azeite, alho, manjericão, limão,e tomates, em uma bela salada. Já no Peru, o polvo é misturado com milho e tomate. Na Coreia, ele é um aperitivo, servido em bares junto com picles e cerveja.

A textura do polvo é firme e macia. O sabor é único, lembra o mar e tem certa doçura. O Studio do Sabor vai mostrar várias maneiras de preparar o polvo na aula de quinta-feira com o chef Rafa Camargo. Ele vai apresentar diversas receitas com polvo, como terrine de polvo em cama de salada especial, caldinho croata de de polvo, ceviche de polvo e peixe branco, polvo alla rabiata e polvo na torre de batatatas.

Para oferecer aos amigos um jantar super original não faltarão ideias nesta aula de culinária exclusiva do Studio do Sabor.

E aqui uma receita de caldinho de polvo da chef Monica Sky.

Caldinho de Polvo
 
Azeite (quanta bastar)
Alho a gosto
1 cebola grosseiramente picada
1 pimentão verde picado
3 tomates grosseiramente picados
1 cabeça de polvo (já cozida)
1 copo de vinho branco
1  vidro de leite de coco
Sal a gosto
1/2 pimenta de cheiro
Coentro
Páprica Doce
Páprica Picante
3 limões sicilianos
1 tentáculo para finalizar antes de servir
Refogar na frigideira o azeite, o alho, a cebola, o pimentão e os tomatse.
Adicionar os pedaços de polvo (cabeça) e em seguida o vinho. Após alguns instantes, o leite de coco.
Pegue este refogado e bata no liquidificador ligeiramente, com o sal, a pimenta, a páprica doce e a picante.
Sirva em seguida, com pedacinhos de polvo picados e um pouco de limão siciliano. Salpique o coentro moderadamente.
Bom jantar!
polvo-sopa

Nhoque, nhoque, nhoque

studiodosabor_nhoque_gnocci_receitas

Todo dia 29 é comemorado o Dia do Nhoque da Fortuna. Segundo conta a lenda, São Pantaleão, vestido de andarilho,  andava em um vilarejo na Itália no dia 29 de dezembro. Com fome, bateu na porta de uma casa e pediu comida. Um casal recebeu-o com muita desconfiança, porém convidou-o a sentar na mesa com eles. Eram pobres e quase não tinham  o que comer. O único alimento naquela noite eram nhoques que dividiram com o Santo. Sete nhoques para cada. São Pantaleão comeu, agradeceu e se foi. Para grande surpresa, ao retirar a mesa, o casal encontrou embaixo dos pratos moedas de ouro.

Assim, a cada dia 29, a lenda ganha mais simpatizantes que comem o nhoque da fortuna para ter sorte pelos 30 dias seguintes. No Studio do Sabor, também acreditamos que o Nhoque pode trazer muita sorte, por isso, preparamos uma aula com receitas de nhoques no dia 27, quinta-feira próxima. A receita, que mudou ao longo dos anos, é antiga, supõe-se que o nhoque exista desde os antigos gregos. No Studio do Sabor você aprenderá diversas receitas de nhoque. E no dia 29, você poderá preparar um delicioso prato para fazer a simpatia.

A simpatia é simples: basta colocar uma nota de qualquer valor sob o prato de nhoque. No prato, separe sete nhoques e coma um a um. Para cada nhoque, faça um pedido diferente.  O dinheiro colocado sob o prato deve ficar guardado até o próximo dia 29, para garantir a fartura.

Para participar da aula de nhoque no Studio do Sabor, é só ligar para (11) 3673-1973 ou mandar um email para: studio@studiodosabor.com.br . Esperamos por você !